Descubra a Beleza de Viver em Família

Estamos na semana nacional da família. Somos todos convidados a refletir sobre a beleza e os desafios de construir e viver em família. Por ter nascido e vivido no seio de uma família, afirmo que é possível e que vale a pena investir nessa sociedade que chamamos família na qual a lei primeira e maior é e será sempre o amor.
Para iniciar uma família, não existe nada pronto, nada feito, mas muito espaço, muitas possibilidades, muitas oportunidades que possibilitam a sua construção. Tudo vai depender da vontade de duas pessoas que se amam e desejam construí-la.
Todos nós sabemos e temos consciência de que não há família perfeita, a não ser a de Nazaré. Todas as famílias passam pelos desafios, primeiramente, vindos da fragilidade de nossa natureza humana, em seguida, das realidades da sociedade em que vivemos e, sobretudo, da cultura atual nada pacífica e nada encantadora para quem tem como princípio valores como a verdade, o respeito, a honestidade, o cuidado com a vida e o amor.
Hoje queremos focar nos valores e nas alegrias de ser família. A família é um tesouro a ser descoberto e um espaço a ser preservado. Nada substitui um abraço ou um beijo de um familiar na hora de chegar em casa ou numa despedida. Nada é mais restaurador e confortável que o aconchego do colo de uma mãe e mais doce e suave que o seu beijo, ou ainda, nada é mais verdadeiro que o abraço silencioso ou o conselho de um pai.
Realmente é maravilhoso descobrir a gratuidade do amor vivido num lar. Não tem preço o tempo que investimos em estar juntos, na simplicidade e no calor das histórias ouvidas e contadas como, por exemplo, as de nossos antepassados, da dureza de suas vidas, mas, especialmente, da sua grandeza, da coragem e da valentia, da temperança e do caráter dos membros das famílias. Construir um lar, uma família é, sem dúvidas, construir um oásis no deserto do mundo de hoje.
Felizes as famílias que procuram descobrir os tesouros escondidos nos pequenos gestos gratuitos de um lar.
Felizes as famílias que priorizam a bondade, a delicadeza e evitam a agressão, a intolerância e a prepotência.
Felizes as famílias que fazem dos desafios e das dificuldades motivos de amadurecimento e cumplicidade.
Felizes as famílias que enfrentam as crises com paciência, serenidade e diálogo.
Felizes as famílias criativas e otimistas que se valem de todas as oportunidades para renovar seu compromisso de amor.
Felizes as famílias que oram e consagram sua vida ao Senhor da vida e da história e nEle buscam refúgio.
Muito felizes as famílias que não esquecem a presença de Deus em seu dia a dia e fazem dEle o alicerce de seu amor.
Felizes as famílias onde reina o amor, pois onde existe amor, aí existe Deus!
Pe Xiko, SAC

Pe. Xiko

Descubra a Beleza de Viver em Família

Estamos na semana nacional da família. Somos todos convidados a refletir sobre a beleza e os desafios de construir e viver em família. Por ter nascido e vivido no seio de uma  família, afirmo que é possível e que vale a pena investir nessa sociedade que chamamos família na qual a lei primeira e maior é e será sempre o amor.

Para iniciar uma família, não existe nada pronto, nada feito, mas muito espaço, muitas possibilidades, muitas oportunidades que possibilitam a sua construção. Tudo vai depender da vontade de duas pessoas que se amam e desejam construí-la.

Todos nós sabemos e temos consciência de que não há família perfeita, a não ser a de Nazaré. Todas as famílias passam pelos desafios, primeiramente, vindos da fragilidade  de nossa natureza humana, em seguida, das realidades da sociedade em que vivemos e, sobretudo,  da cultura atual nada pacífica e nada  encantadora para quem tem como princípio valores como a verdade, o respeito, a honestidade, o cuidado com a vida e o amor.

Hoje queremos focar nos valores e nas alegrias de ser família.  A família é um tesouro a ser descoberto e um espaço  a ser preservado. Nada substitui um abraço ou um beijo de um familiar na hora de chegar em casa ou numa despedida. Nada é mais restaurador e confortável  que o aconchego do colo de uma mãe e mais doce e suave que o seu beijo, ou ainda, nada é mais verdadeiro que o abraço silencioso ou o conselho de um pai.

Realmente é maravilhoso descobrir a gratuidade do amor vivido num lar. Não tem preço o tempo que investimos em estar juntos, na simplicidade e no calor das  histórias ouvidas e contadas como, por exemplo, as de nossos antepassados, da dureza de suas vidas, mas, especialmente, da sua grandeza, da coragem e da  valentia, da temperança e do  caráter dos membros das famílias.  Construir um lar, uma família é, sem  dúvidas, construir um oásis no deserto do mundo de hoje.

Felizes as  famílias que procuram descobrir os tesouros escondidos nos pequenos gestos gratuitos de um lar.

Felizes  as famílias que  priorizam a bondade, a delicadeza e evitam a agressão, a intolerância e a prepotência.

Felizes as famílias que fazem dos desafios e das dificuldades motivos de amadurecimento e cumplicidade.

Felizes as famílias que enfrentam as crises com paciência, serenidade e diálogo.

Felizes as famílias criativas e otimistas que se valem de todas as oportunidades para renovar seu compromisso de amor.

Felizes as famílias que oram e consagram sua vida ao Senhor da vida e da história e nEle buscam refúgio.

Muito felizes as famílias que não esquecem a presença de Deus em seu dia a dia e fazem dEle o alicerce de seu amor.

Felizes as famílias onde reina o amor, pois onde existe amor, aí existe Deus!

Pe Xiko, SAC

Pe. Xiko

Siga-nos: