O arcebispo de Guayaquil, no Equador, fez uma explanação sobre as consequências da corrupção na sociedade latino-americana e a voz profética da Igreja. Dom Luis Cabrera pronunciou-se numa conferência virtual organizada pela SIGNIS. O prelado insistiu que “a posição religiosa é inseparável da justiça para com os pobres”, é um compromisso radical de combate à corrupção, contra o abuso de poder e a opressão dos pobres, como ensinam os profetas
Siga-nos: