O Ano Laudato si’ teve início em 24 de maio, por ocasião do quinto aniversário da encíclica. O evento “não se destina apenas a incentivar uma releitura do texto, mas estimular a reflexão e a ação real para um reequilíbrio iluminado e realista do mercado”, afirma o bispo argelino dom Nicolas Lhernould.
Siga-nos: