A notícia foi divulgada por fontes das Forças de Segurança do país africano. A família foi sequestrada ainda na segunda-feira (10) e os corpos foram encontrados quatro dias depois. A violência no país contra a população se intensificou nos últimos tempos. As vítimas são principalmente cristãos católicos e protestantes.
Siga-nos: