Liturgia do dia 15/10/2019

Leituras
Rm 1,16-25
Sl 18(19),2-3.4-5 (R/. 2a)
Lc 11,37-41

28ª Semana do tempo Comum

Terça-Feira

Primeira Leitura: Rm 1,16-25

16Eu não me envergonho do Evangelho, que é um poder divino para a salvação dos que creem, dos judeus primeiro, e depois dos pagãos. 17Porque nele se manifesta a justiça de Deus, pela fé e para a fé, como está escrito: O justo viverá da fé! 18Realmente, a ira de Deus se revela do alto do céu contra qualquer impiedade e injustiça dos homens, homens que com sua injustiça oprimem a verdade. 19Porque tudo o que se pode conhecer de Deus é manifesto para eles: Deus o manifestou a eles. 20Desde a própria criação do mundo, a inteligência pode perceber as perfeições invisíveis de Deus, seu poder eterno e sua natureza divina, através de suas obras. Por isso é que para eles não há desculpas. 21Porque, mesmo conhecendo a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, mas se perderam em seus raciocínios falsos, e o seu coração insensato mergulhou na escuridão. 22Pretenderam ser sábios e tornaram-se estúpidos! 23 Substituíram a glória do Deus imortal por imagens que representavam homens mortais, aves, quadrúpedes e répteis. 24Por isso, Deus os entregou à imundície pelos desejos de seus corações, de modo que aviltaram eles mesmos seus próprios corpos. 25Eles confundiram o verdadeiro Deus com seres falsos, prestaram culto e adoração às criaturas em lugar do Criador, o qual é bendito para sempre! Amém!

Salmo: Sl 18(19),2-3.4-5 (R/. 2a)

R.: Cantam os céus a glória do Senhor!

2Cantam os céus a glória do Senhor, o firmamento, a obra de seus dedos. 3Proclama um dia ao outro a sua nova, sopra uma noite à outra o seu segredo.

4Não por meio de frases ou palavras, nem por vozes que possam ser ouvidas; 5mas soa em toda a terra o que proclamam, chega aos confins do mundo o que eles dizem!

Evangelho: Lc 11,37-41

37Tendo acabado de falar, certo fariseu o convidou para jantar em sua casa. Jesus entrou e sentou-se à mesa. 38O fariseu se espantou quando viu que Jesus não tinha feito as abluções antes da refeição. 39Mas o Senhor lhe disse: “Vós, fariseus, limpais o exterior do copo e do prato, mas vosso interior está cheio de cobiça e maldade! 40Loucos! Aquele que fez o exterior não fez também o interior? 41Antes, dai de esmola o que houver dentro dos copos e dos pratos e todas as coisas serão puras para vós!

Leituras: Diretório da Liturgia e da Organização da Igreja no Brasil 2019 – Ano C – São Lucas, Brasília, Edições CNBB, 2018.

Citações bíblicas: Bíblia Mensagem de Deus, São Paulo, Edições Loyola, 2016.

 

Boa Nova para cada dia

 

… fariseus, … vosso interior está cheio de roubos e maldades (Lc 11,39).

 

Em pleno almoço na casa de um fariseu Jesus o repreendeu.

Foi porque Jesus tinha observado como os fariseus faziam atos religiosos para se exibirem como pessoas melhores que as outras.

A reprovação de Jesus foi contra a hipocrisia. Os fariseus escondiam o que tinham em seus corações impuros e exibiam aparência de corações puros.

Nesta ocasião Jesus os acusa se serem ladrões e cheios de maldade. Ladrões porque conseguiam do povo esmolas e ficavam ricos.

Por isso Jesus termina este Evangelho dizendo-lhes: … antes dai esmola do que possuís e tudo ficará puro para vós (Lc 11,41).

Portanto os fariseus podiam mudar de vida com ajuda das críticas de Jesus.

Alguns se converteram, como foi o caso de Simão, que convidou Jesus para um jantar (Lc 7,36-43).

Não pensemos que a hipocrisia desapareceu do mundo porque Jesus a denunciou nos fariseus de seu tempo.

A hipocrisia existe em todos os tempos e lugares.

E também em nós, que procuramos disfarçá-la.

Que esta lição de Jesus nos mova a uma conversão verdadeira, para sermos sinceros, autênticos com Deus e com todos.

Autor: Pe. Valdir Marques, SJ, Doutor em Teologia Bíblica pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma


Siga-nos: