No Mali recentes ataques vitimaram mortalmente 150 crianças e deixou mais de 70 feridas. Na República Democrática do Congo o vírus da Ébola está também a deixar muitas crianças órfãs em condições de ansiedade e risco de isolamento, precisando de apoios materiais e psico-sociais – denuncia o UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância , em comunicado de imprensa.
Siga-nos: