O cardeal Albert Malcolm Ranjith Patabendige Don, entrevistado pelo Vatican News, pede justiça, mas convida à calma, para não envenenar o clima de convivência na Ilha. Nesta segunda-feira (22) irá visitar os feridos nos hospitais para levar seu conforto

Siga-nos: