No sábado passado, reprimida à força pelos agentes do regime de Ortega, uma manifestação em Manágua para exigir o retorno das liberdades democráticas e a libertação dos presos políticos. Entre os 164 detidos, havia também um sacerdote, depois libertado graças à intervenção do núncio Dom Sommertag. A condenação da arquidiocese de Manágua.
Siga-nos: