Em 15 de março de 2011, eclodiam na Síria os primeiros protestos contra o presidente Bashar al Assad, marcando o início de um conflito sangrento, do qual ainda hoje não se vê nenhuma solução, que causou 370.000 mortes.

Siga-nos: