Liturgia do dia 05/01/2019

Leituras
1Jo 3,11-21
Sl 99 (100),2.3.4.5 (R. 2a)
Jo 1,43-51

Tempo do Natal

Sábado


Primeira Leitura: 1Jo 3,11-21

11 Porque esta é a mensagem que tendesouvido desde o começo: que nos amemos uns aos outros, 12 longe de imitar Caim, que, sendo do Maligno, matou o irmão. E por que o matou? Porque suas obras eram más e as de seu irmão eram justas. 13 Irmãos, não estranheis se o mundo vos odeia. 14 Nós sabemos que passamos da morte para a vida porque amamos nossos irmãos. Quem não ama permanece na morte. 15 Quem odeia seu irmão é um assassino e sabeis que nenhum assassino tem a vida eterna permanente dentro de si. 16 Eis como reconhecemos o amor: ele entregou sua vida por nós. Assim nós também devemos dar a vida por nossos irmãos. 17 Se alguém tiver bens deste mundo e vir seu irmão passando necessidade e lhe fechar o coração, como o amor de Deus permanecerá nele? 18 Filhinhos, não amemos só de palavra nem só de língua, mas com atos e de verdade. 19 Nisto saberemos que somos da verdade, e nosso coração descansará tranquilo nele: 20 porque, se nosso coração nos acusar, saibamos que Deus é maior que ele e conhece tudo. 21 Caríssimos, se o nosso coração não nos acusa, podemos recorrer confiantes a Deus.

Salmo: Sl 99 (100),2.3.4.5 (R. 2a)

R. Rendei culto ao Senhor com grande júbilo,

2 rendei culto ao Senhor com grande júbilo, vinde a ele com cantos de alegria!

3 Sabei-o todos: é o Senhor que é Deus, foi ele que nos fez e somos dele, somos seu povo, ovelhas do seu campo.

4 Transponde seus portais rendendo graças, seus átrios penetrai cantando hinos, seu nome bendizei, dando-lhe glória!

5 Bom é o Senhor, e o seu amor eterno, fiel de geração em geração.

Evangelho: Jo 1,43-51

43 No dia seguinte, Jesus resolveu partir para a Galileia. 44 Encontrou-se com Filipe e lhe disse: “Segue-me!”. Filipe era de Betsaida, cidade natal de Pedro e André. 45 Filipe encontrou-se com Natanael e lhe disse: “Encontramos aquele a respeito de quem escreveram Moisés, na Lei, e os Profetas, isto é, Jesus de Nazaré, filho de José”. 46 Natanael respondeu: “Alguma coisa boa pode vir de Nazaré?”. 47 Filipe respondeu: “Vem e vê!”. Jesus viu Natanael que vinha a seu encontro e disse a seu respeito: “Este é um verdadeiro israelita, no qual não há falsidade”. 48 Natanael respondeu: “De onde me conheces?”. Jesus respondeu: “Antes que Filipe te chamasse eu te vi, quando estavas debaixo da figueira”. 49 Natanael exclamou: “Rabi, tu és o Filho de Deus, és o rei de Israel!”. 50 Jesus acrescentou: “Crês somente porque afirmei que te vi debaixo da figueira? Verás ainda coisas maiores”. 51 E concluiu: “Eu vos afirmo e esta é a verdade: vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do homem”

Leituras: Diretório da Liturgia e da Organização da Igreja no Brasil 2018 – Ano B – São Marcos, Brasília, Edições CNBB, 2017.

Citações bíblicas: Bíblia Mensagem de Deus, São Paulo, Edições Loyola, 2016.

Boa Nova para cada dia

… exclamou Natanael: Mestre, tu és o Filho de Deus, tu és o Rei de Israel! (Jo 1,43)

Jesus, ao chamar discípulos para serem seus apóstolos, fora apresentado a Natanael, que, desconfiado, não queria aceitar que de Nazaré viesse o Messias.
Mas Jesus o surpreende, revelando o que Natanael meditara sob uma figueira. E Natanael vê como Jesus pôde conhecê-lo antes de convidá-lo para ser seu discípulos.

Este fato mostra que Jesus escolheu cuidadosamente os que seriam seus apóstolos, inclusive conhecendo-os antes que eles disto se dessem conta. Natanael então exclama, como resultado, agora, de sua convicção pessoal e não mais pelo testemunho de Felipe: “Mestre, tu és o Filho de Deus, tu és o Rei de Israel!”.
Como concluiu isto sobre Jesus? Provavelmente porque sob a figueira chegou a entender que o Messias seria chamado “Filho de Deus”, e, consequentemente, o Rei de Israel. Este fato mostra como, por vários caminhos, Jesus se deu a conhecer depois que saiu de Nazaré para anunciar o Reino de Deus.
Pensemos nisto: Jesus conhece nosso íntimo como conheceu o de Natanael.
Deixemos que ele nos examine interiormente. Disto somente virá nosso bem, como foi a causa da adesão de Natanael a Jesus.

Autor: Pe. Valdir Marques, SJ, Doutor em Teologia Bíblica pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma.


Siga-nos: